quinta-feira, 13 de junho de 2013

Minas Gerais: Governo lança projeto de Inovação Tecnológica em Genética Bovina para gado de corte


Minas Gerais será o estado piloto em inovação tecnológica de gado de corte. Com o projeto “Polo de Excelência em Genética Bovina: Gestão da Inovação da Biotecnologia Pecuária em Minas Gerais”, o Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes), está estimulando o desenvolvimento de pesquisas voltadas ao melhoramento genético, através do alinhamento da cadeia pecuária bovina e da inovação tecnológica. O projeto é financiado com recursos da Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig).

A promoção de inovação biotecnológica pecuária no estado é possível graças às ações conjuntas entre o governo e o setor privado no apoio à pesquisa e desenvolvimento (P&D) da pecuária de corte. A implantação do Núcleo Brasileiro da Qualidade da Carne em Minas Gerais, na cidade de Uberaba, no Triângulo Mineiro, e a realização de estudo de viabilidade econômica para entender o mercado regional são algumas das ações desse projeto.

Com o objetivo de estudar o funcionamento do Meat & Livestock Australia (MLA), modelo internacional de sucesso que sistematiza a pecuária captando recursos do produtor e investindo em pesquisas e marketing para a carne bovina, será enviada uma missão à Austrália para analisar como o modelo poderá ser implantado no Brasil.

A elaboração de novos produtos e processos pelo setor privado, a ampliação do mercado de produtos da genética bovina no Brasil e o alinhamento da participação dos produtores, das instituições de pesquisa, da indústria e do mercado na busca por um produto final de qualidade traz benefícios biotecnológicos e econômicos para todo o Brasil.

Melhoramento genético para gado leiteiro

No mês passado, em Uberaba, durante a Expozebu, o secretário Narcio Rodrigues lançou o projeto Campo Novo, que vai democratizar o melhoramento genético por meio da fecundação in vitro a pequenas propriedades rurais.

O Campo Novo tem a parceria do Polo de Excelência em Genética Bovina e vai melhorar os plantéis de gado de leite, começando pelo Triângulo Mineiro e podendo se estender às demais regiões do estado.

Fonte: Agência Minas

0 comentários

Postar um comentário