terça-feira, 11 de junho de 2013

Mapa padroniza coleta de amostras de produtos de origem vegetal


O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) lançou na última sexta-feira, 07 de junho, o Manual de Coleta de Amostras do Plano Nacional de Controle de Resíduos e Contaminantes em Produtos de Origem Vegetal. A publicação tem por objetivo definir as diretrizes técnicas que devem ser seguidas durante a coleta de amostras que serão analisadas pela Rede Nacional de Laboratórios Agropecuários, constituídas pelos Laboratórios Nacionais Agropecuários (Lanagros) e laboratórios credenciados que participam da execução do Plano Nacional de Controle de Resíduos e Contaminantes (PNCRC).

Além de estabelecer os procedimentos para a coleta, acondicionamento e envio de amostras aos laboratórios, também são padronizadas as ações específicas que devem ser adotadas na coleta de amostras destinadas à monitoria de resíduos de agrotóxicos, contaminantes biológicos (micotoxinas) e para a determinação de Salmonella.

A publicação, disponível no site do Ministério da Agricultura, padroniza os procedimentos de coleta de acordo a Instrução Normativa N° 42, de 2008, e segue também as recomendações internacionais do Codex Alimentarius.

Para o coordenador de Resíduos e Contaminantes, Leandro Feijó, “o manual vai harmonizar os procedimentos de coleta de amostras em todas as unidades federativas, cumprindo com o compromisso do PNCRC/Vegetal de estabelecer procedimentos padronizados, e permitirá que o setor produtivo privado possa utilizar os critérios oficiais de coleta em seus programas de autocontrole”.

Produzido em formato de fichário, para facilitar as atualizações em seu conteúdo, a publicação será distribuída para as unidades descentralizadas do Mapa e divulgada em países integrantes da União Europeia e da Organização Mundial do Comércio. Para acessar o manual na íntegra, clique aqui.

Mais informações para a imprensa:
Assessoria de Comunicação Social
(61) 3218-2203
Vanessa Reis
imprensa@agricultura.gov.br

0 comentários

Postar um comentário