sexta-feira, 28 de junho de 2013

Implantação do Cadastro Ambiental Rural começa pelo Tocantins


A presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), senadora Kátia Abreu, participa nesta sexta, 28, da solenidade de assinatura de convênio no valor de R$ 40 milhões, entre o governo do Tocantins e o Ministério do Meio Ambiente com a finalidade de implantar no Estado o Cadastro Ambiental Rural (CAR), criado pelo novo Código Florestal brasileiro. A cerimônia, que será realizada no Palácio Araguaia, contará com as presenças da ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, e do governador do estado, Siqueira Campos.

O novo Código Florestal determina que, passados dois anos de sua aprovação, todos os produtores rurais brasileiros terão, obrigatoriamente, de ser incluídos no CAR. O Tocantins sai na frente: é o primeiro estado da federação a conseguir os recursos, via Fundo da Amazônia, para implantar o Cadastro Ambiental Rural.

É por meio do CAR que os imóveis serão certificados, ajudando a corrigir os passivos ambientais das propriedades e dando condições para uma produção sustentável. O Cadastro Ambiental Rural é um registro público eletrônico, obrigatório para todas as propriedades rurais do país, com objetivo de reunir e integrar informações relacionadas às áreas consolidadas, de uso restrito e de preservação permanente e às reservas legais.

Os recursos beneficiarão 96 municípios tocantinenses que serão atendidos já na primeira etapa de implementação do CAR-Tocantins. Os 43 municípios restantes serão atendidos em uma segunda etapa, com recursos próprios do governo estadual e do Programa de Investimento Florestal (FIP), administrado pelo ministério.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Agrário e Regularização Fundiária, deputado Irajá Abreu, o CAR é o instrumento que o meio rural mais esperava. “É importante para o produtor rural, especialmente para os pequenos, e é importante para o meio ambiente”, diz o secretário.

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109 1411/1419
www.canaldoprodutor.com.br

0 comentários

Postar um comentário