quarta-feira, 9 de maio de 2012

Embrapa desenvolve sistema informatizado de gestão ambiental para aquicultura


Pesquisadores do projeto Manejo e Gestão Ambiental da Aquicultura, componente do Projeto em Rede Aquabrasil da Embrapa, desenvolveram um sistema informatizado de gestão ambiental da aquicultura – Aquisys.

O sistema informatizado Aquisys foi elaborado no âmbito do Projeto Manejo e Gestão Ambiental da aquicultura, liderado por Julio Queiroz da Embrapa Meio Ambiente (Jaguariúna, SP). A pesquisadora responsável pelo plano de ação onde o Aquisys foi desenvolvido, Maria Conceição Pessoa, da Embrapa Meio Ambiente explica que o acesso ao sistema será on-line via web e permitirá que produtores possam utilizá-lo para avaliar se as práticas conduzidas em suas propriedades estão alinhadas às orientações de Boas Práticas de Manejo da Aquicultura. O desenvolvimento do sistema contou com a participação dos pesquisadores Maria Conceição Peres Young Pessoa, Julio Ferraz de Queiroz, Marcos Eliseu Losekann e Mariana Silveira Moura e Silva e das estagiárias Ana Flávia Rodrigues Seixas e Daniela  Aparecida Bosso da Embrapa Meio Ambiente, assim como com a colaboração do pesquisador Luis Inoue da Embrapa Amazônia Ocidental e do analista Carlos Pazianotto da Embrapa Meio Ambiente.

O Aquisys é um sistema informatizado desenvolvido para ser acessado via web, visando auxiliar a gestão ambiental da aquicultura em apoio às boas práticas de manejo - com foco inicial no cultivo de tilápia. O sistema reuniu em um único local diversas informações e estimativas importantes para o produtor, antes dispersas ou em linguagem difícil de entendimento. Assim, o sistema considera três temas principais “Boas práticas de manejo da aquicultura na propriedade”; “Leis, órgãos e serviços relacionados à aquicultura” e“Apoio à gestão ambiental da aquicultura”, onde cada um oferece diversos módulos para obtenção de diagnósticos, estimativas, informação ou organização de informação que apoie politicas publicas para o setor.

Aquisys leva em conta as principais demandas de piscicultores, identificadas nos levantamentos realizados em solicitações de informações técnicas formuladas em dias de campo do projeto componente citado e de questionamentos direcionados ao serviço de apoio ao contribuinte da Embrapa Meio Ambiente, após essas ações.

A partir dos temas priorizados foram selecionadas práticas passíveis de serem realizadas pelo produtor na propriedade, as quais foram apresentadas no sistema pelas opções ou módulos disponibilizados por tema. Assim, por exemplo, o tema boas praticas de manejo para tilápia apresenta nove módulos inseridos nos subtemas avaliações expeditas de uso das BPM´s, indicadores de qualidade de água, indicadores de manejo e produção do cultivo, e avaliação da lucratividade da produção do cultivo. O sistema também disponibiliza um Banco de Dados especifico para organizar e recupera as informações coletadas em levantamos realizados junto aos produtores considerando 95 questões da matriz sistêmica (questionário produzido no âmbito do projeto em que o Aquisys foi desenvolvido), possibilitando recuperar essas informações por estado, data ou armazená-las em arquivo externo para, apos tratamento dos dados, identificar problemas para então contribuir à proposição de políticas públicas para o setor.

O Aquisys foi desenvolvido para uso do produtor rural, pois requer informações que o próprio produtor está acostumado a usualmente acompanhar na propriedade. Entretanto, o uso da tecnologia requer um conhecimento mínimo do uso de ferramentas computacionais e de acesso a internet pelo produtor. Assim, caso o produtor ainda sofra essa carência, o programa poderá ser acessado por cooperativas que favoreçam a sua utilização, bem como a inclusão digital desses produtores para que tenham o acesso a ferramentas gratuitas, como o Aquisys.

O produtor terá acesso ao calculo automático de estimativas de biometria, quantidade de ração a ser fornecida em função do peso do peixe e da temperatura , quantidade de fertilizantes químicos a serem aplicados no viveiro, indicadores de doenças a partir de aspectos físicos e comportamentais dos peixes observados nos viveiros, avaliações da qualidade da água por kits colorimétricos ou medidores eletrônicos, avaliações da qualidade da água por populações macro invertebradas bentônicas , vários indicadores que contribuem à avaliação da lucratividade da produção. Também terão acesso à informação sobre órgãos importantes para a piscicultura nacional, entre outros.

“O Aquisys está em fase de validação de acesso externo via rede internet e, por essa razão, ainda não foi disponibilizado aos usuários externos sem login e senha de acessos”, diz Pessoa. A previsão de liberação de acesso ao público externo é até agosto deste ano.

Para a pesquisadora Emiko Kawakami Resende, da Embrapa e líder do Aquabrasil, o Aquisys será um instrumento muito importante para a gestão da piscicultura ao nível dos produtores. Muitas informações e principalmente a avaliação das boas práticas de manejo poderão ser avaliadas pelos próprios produtores.

Luis Inoue da Embrapa Amazônia Ocidental, colaborador no desenvolvimento do sistema, diz que “essa iniciativa é uma poderosa ferramenta para a aquicultura nacional, visto que um dos aspectos em maior discussão na atividade atualmente no país é a questão ambiental de nossos cultivos. Muitas vezes os técnicos da aquicultura até fazem o monitoramento das principais variáveis físicas e químicas da qualidade da água e dos sedimentos dos cultivos, mas a interpretação destes resultados de maneira integrada ficam a desejar. “A ideia do Aquisys neste sentido é fundamental, pois é possível obter quase que de maneira instantânea com os dados ambientais básicos o diagnóstico da qualidade ambiental de um cultivo, no aspecto da adoção das Boas Práticas de Manejo”, diz Inoue.

“Atualmente, a
Global Aquaculture Alliance  fornece a certificação ambiental das BPM´s para as principais industrias da aquicultura como salmão, catfish, pangasius e camarão marinho. O atendimento as normas de certificação industrial são rigorosas. Mas uma ferramenta simples e útil como o Aquisys que auxiliem no dia a dia dos envolvidos na aquicultura, principalmente no Brasil, era desconhecida até agora com o seu lançamento”, acrescentou Inoue.

Outro projeto, liderado pelo pesquisador Marcos Losekann da Embrapa Meio Ambiente, já foi submetido à apreciação da Embrapa para aprofundar a validação da ferramenta a públicos diversos e para assegurar o uso correto do sistema junto aos produtores de tilápia e outros cultivos, que não estejam familiarizados ao uso de ferramentas computacionais.


Cristina Tordin, MTB 28499
Embrapa Meio Ambiente
cris@cnpma.embrapa.br
(19) 3311.2608

0 comentários

Postar um comentário