segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Técnicos da ABCZ iniciam vistorias de Escrituração Zootécnica em fazendas líderes dos rankings das raças nelore, brahman, tabapuã, guzerá e gir



A partir do mês de março, dez técnicos da ABCZ começarão um trabalho de vistoria para verificação de possíveis inconformidades na Escrituração Zootécnica das fazendas líderes dos rankings das raças nelore, brahman, tabapuã, guzerá e gir aptidão leiteira. A grande novidade é que além das fazendas líderes dos rankings, os técnicos da ABCZ começarão a vistoriar fazendas aleatórias para verificação de todo o processo para concessão de Registro Genealógico aos bovinos das raças zebuínas.

Os técnicos responsáveis pelas vistorias serão: Francisco Carlos Velasco, Ednira Gleida Marques, André Luis Lourenço Borges, Murilo Montandon, Evandro Ribeiro, Leonardo Machado Borges, Marcos Cunha Resende, Frederico da Silva Guimarães, Eric Luis Marques da Costa e Luiz Fernando de Paula Salim.
Segundo Carlos Humberto Lucas, superintendente técnico adjunto de Genealogia da ABCZ, nesta vistoria será avaliado todo o processo da fazenda, desde a escrituração zootécnica até a avaliação dos animais (pesagem, coleta de material para DNA, entre outros). "Os técnicos que farão a vistoria passaram por treinamento na sede da associação e caso seja encontrada alguma irregularidade, o criador será comunicado e terá um prazo de 45 dias para enviar a explicação para a ABCZ", explica Carlos Humberto Lucas.

Desde o início do ano, os técnicos da ABCZ estão realizando uma verificação na escrituração zootécnicas das propriedades visitadas, denominada "check list". Através do "check list", o técnico da ABCZ verifica se a fazenda possui escrituração zootécnica, se os animais estão devidamente identificados, se a equipe de trabalho da fazenda apresenta conhecimento sobre o serviço de Registro Genealógico, as condições estruturais da propriedade, entre outros pontos.


Escrituração Zootécnica

A escrituração zootécnica é a anotação correta e legível de todas as informações referentes a um determinado animal com, inclusive, dados anteriores ao seu nascimento, como acasalamento dos pais (monta natural, controlada, inseminação artificial), data do parto, etc. A escrituração zootécnica é obrigatória para que a ABCZ conceda ao animal o certificado de registro genealógico e deve estar sempre disponível para consulta na propriedade rural. O superintendente Técnico da ABCZ, Luiz Antonio Josahkian, esclarece que existe sempre uma confusão entre a Escrituração Zootécnica e os sistemas informatizados.

"Mas fato é que as Escriturações Zootécnicas são a ponte entre o campo e o teclado do computador. Mesmo em rebanhos muito pequenos, seria impossível registrar na memória todos os eventos. Sendo assim, a existência de um banco de dados eletrônico não substitui a exigência de uma escrituração bem feita. Na verdade, o banco eletrônico depende totalmente dela"


Fonte: ABCZ  Laura Pimenta

0 comentários

Postar um comentário