quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Genética Suína Machos Comercias



Sua massa muscular supera qualquer padrão de mercado e por isso seus leitões apresentam inigualável rendimento de carne magra e cortes nobres. A progênie também tem excelente eficiência de crescimento, pois alia boa velocidade de ganho de peso com excepcional conversão alimentar. E tem mais: o reprodutor possui alta heterose e máximo vigor híbrido, mostrando uma disposição fora-de-série para trabalhar em coletas e coberturas.



Reprodutor desenvolvido para produzir cevados com excelente porcentagem de carne na carcaça e qualidade de carne muito superior. Sua progênie também incorpora excepcional potencial para a produção de carne com ótimas características de pH, cor e retenção de água. E tudo isso acompanhado por ótima eficiência em conversão alimentar e ganho de peso. Animal livre do gene halotano e do gene da carne ácida.

 
 
 
Nunca a suinocultura brasileira viu um macho com tanta superioridade em produção de carne magra. Um verdadeiro rei em rendimento de carcaça e cortes de alto valor comercial, ideal para atender padrões modernos de processamento e comercialização. Tem mínima espessura de toucinho, excepcional massa muscular e alto rendimento de lombo, pernil, carré e paleta, além de excelente libido e vigor de cobertura. Sua progênie também apresenta o já consagrado padrão de eficiência zootécnica Agroceres PIC.
 
 
 
Fonte: Agroceres Pic
 

0 comentários

Postar um comentário