segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Conceitos do Sistema Voisin de Pastejo Rotacionado



É um sistema de manejo das pastagens que respeita tanto a fisiologia das pastagens quanto os requerimentos nutricionais dos animais que delas se alimentam. O respeito à fisiologia advém da observância rigorosa aos tempos de ocupação e de repouso da pastagem "valor nutritivo da pastagem", bem como das reservas acumuladas que proporcionarão um rebrote vigoroso; e a retirada dos animais da parcela se dá antes que eles possam comer os novos rebrotes e, com isso, debilitar as plantas de maior palatabilidade.
Para que um pasto cortado pelo dente do animal possa dar sua máxima produtividade, é necessário que, entre dois cortes sucessivos, haja passado o tempo suficiente para permitir ao pasto: armazenar as reservas necessárias para um rebrote vigoroso; realizar sua labareda de crescimento, isto é, a grande produção de pasto por dia e por hectare.


O período de repouso entre dois cortes sucessivos será, portanto, variável de acordo com a espécie vegetal, estação do ano, condições climáticas, fertilidade do solo e demais fatores ambientais.

Principais etapas para implantação
do pastoreio voisin


1. Elaboração de um mapa da propriedade com informações relevantes para elaboração do projeto.

2. Projeto para divisão da área em núcleos, setores e piquetes prevendo a localização de bebedouros e de áreas para o descanso dos animais.

3. Demarcação, no campo das divisões projetadas.

4. Construção de cercas elétricas e montagem da central de eletrificação


5. Formação e preparação dos lotes de animais que ingressarão no sistema

6. Condicionamento dos animais às cercas elétricas.

7. Acompanhamento da produtividade da pastagem e dos animais.



Vantagens em relação ao sistema de pastoreio contínuo

1. Aumento da produtividade da pastagem.

2. Melhoria da qualidade das pastagens,tornando desnecessárias as reformas.

3. Maior facilidade de manejo.

4. Maior economia em suplementos e medicamentos.

5. Maior facilidade para produção da "carne ecológica" e "leite ecológico".

6. Mais gado e mais lucro por unidade de área.






Fonte: Rural Pecuária


0 comentários

Postar um comentário